Thursday, 13 June 2013

Antoine de Saint-Exupéry

Estou completamente rendida 'a escrita de Antoine de Saint-Exupéry. Desde pequenos que somos inundados com O Principezinho, mas esta semana por curiosidade comecei a ler algumas passagens de outros livros do mesmo, e devo dizer que me consigo identificar, e muito, com o humanismo iminente na sua escrita. 

"Embora a morte e a vida se oponham uma a outra, como palavras que são, o certo é que só podes viver daquilo que te pode fazer morrer. E o que recusa a morte, recusa a vida. Se não houver nada acima de ti, não tens nada a receber. A não ser de ti próprio. Mas que hás-de tu ir buscar a um espelho vazio?"

"Não confundas o amor com o desejo de possuir, que acarreta os piores sofrimentos. Porque, contráriamente à opinião comum, o amor não faz sofrer. O instinto de propriedade, que é o contrário do amor, esse é que faz sofrer........ o amor verdadeiro começa lá onde não espera mais nada em troca."







Monday, 21 November 2011

Back to the Island!!

Um ano, e uns quantos dias depois.... AQUI estou eu novamente!!! :)
E sim... 'e verdade de volta 'a ilha de sua Majestade... mas desta vez por Londres e deveras feliz! Para os mais desatentos passo a resumir estes ultimos 9 meses da minha vida.... e nao a felicidade nao se deve a 9 meses de gestacao com direito a crianca no final....
Ora bem e por ordem cronologica para nao se perderem:
- Marco 2011 - EMIGRAR
- Maio 2011 - Trabalhar num restaurante
- Julho 2011 - EMPREGO NA MINHA AREA
- Setembro 2011 - Pos-Graduacao em Financas (Sim, ja tive dias de maior sanidade mental...)
- Novembro 2011 - Vou ser tia da MARIA :)
- Dezembro 2011 - ainda nao l'a cheguei, tenham calma!!

E pronto 'e incrivel como se pode resumir 9 meses da minha vida em tao poucas linhas!!! Mas agora que vos actualizei vou mantendo-vos informados. Prometo ser uma blogger mais activa :)

p.s. - eu continuo a saber escrever portugues, este teclado sem acentos 'e que nao ajuda ...

Sunday, 24 October 2010

People are Strange

Adoro deitar-me do lado direito da minha cama, bem lá em baixo, meter as pernas em cima da cabeceira, neste caso é mais no fim da cama, e assim nesta posição ficar a apreciar o movimento que passa na rua...

Hoje fiquei assim cerca de uma hora, a ver as pessoas a passarem, a conversarem na rua, a passearem, a entrarem nos cafés, nos restaurantes, a fumarem cigarros, a discutirem, ao observar com um pouco mais de tempo e mais atenção as pessoas parecem estranhas.

Observar as pessoas fora de contextos torna-as estranhas... certamente também eu o sou quando nalgum quarto nalguma janela nalgum prédio alguém me observa fora de contexto...



Sunday, 17 October 2010

Ctrl+Alt+Del

Procura-se esta função neurológica urgentemente :-)






Thursday, 5 August 2010

Verão

Parece que o Verão não tem deixado tempo para actualizar quem me segue, se é que alguém me segue, mas pelo menos sabe bem de vez em quando escrever umas baboseiras e pensar que o mundo as leu!

Pois bem, não tenho nada a declarar!

A época festivaleira começou em Junho, e ainda não parei, e sabem que mais?? Sabe tão bem!!

Mas aproxima-se a passos largos a última e uma das melhores festas de Verão : Avante Camarada, Avante!! Não há festa como esta!!

Pode ser que com o fim do Verão venha a inspiração!!

Vou comunicando!

P.S. - Um enorme OBRIGADA a todos aqueles que fizeram e ainda fazem parte deste maravilhoso Verão, e já agora aos que ainda vão fazer!

I'll Keep You Posted

XoXo

hahahaha

Thursday, 17 June 2010

Girls & Boys

XX: Vamos com calma...
XY: Vamos com calma?? Mas vamos com calma onde??

É por isso que eu ADORO ter amigos homens!!! Sempre vou aprendendo umas quantas coisas!!

Já criei uma NOT TO DO/SAY LIST :)


* Em que ficamos afinal?

Saturday, 12 June 2010

O Início da Viagem


Gosto de estações de comboio!
.
São locais de despedidas, partidas, mas também de reencontros...

Gosto da sensação de estar sozinha com a mochila às costas, à espera de alguém, ou simplesmente à espera do próximo comboio que me vai levar à próxima aventura, ao próximo momento.

Já chorei em estações de comboio, já dei beijos apaixonados, reencontrei-me com velhos amigos, fiz novos amigos, reencontrei a minha família, mas acima de tudo reencontrei-me.

Gosto daquele momento em que espero pelo comboio, e deambulo pelos meus pensamentos, tento entender o que quero, o que aconteceu, o que vivi e o que está para vir.

Não sei, simplesmente gosto de olhar para o fim da linha e pensar que é apenas o início de mais uma viagem...